segunda-feira, 9 de abril de 2012

Os céus abertos – Parte 2

“E acrescentou: Em verdade, em verdade vos digo que vereis o céu aberto, e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem.” João 1.51

Em Deuteronômio 28, encontramos dois tipos de povos, há um povo que tem o céu aberto (versos 1-14), e outro que possui o céu fechado (versos 15-23).

Vamos dar atenção especial ao verso 23 “O céu que está sobre a tua cabeça será de bronze, e a terra que está debaixo de ti será de ferro.”
Vejamos que não podemos desprezar os mandamentos diários, “o pão nosso de cada dia”, tal pessoa não será favorecida pelo céu e nem pela terra, a pessoa que não se abre para Deus corre o risco de perder o favor do céu e por conseqüência o favor da terra.
Nós precisamos tanto de um como de outro, porém devemos tomar cuidado pois os favores do mundo muitas vezes nos levam para as coisas do mundo.

“Respondeu João: O homem não pode receber coisa alguma, se não lhe for dada do céu.” João 3.27
Aqueles que se inclinam para as coisas da terra, se esquecem que tudo o que o homem recebe vem do céu.
Quando a bíblia declara que o céu será de bronze e a terra de ferro, significa que se o céu não mandar a benção, a terra também não a libera.

Um exemplo disso é quando os lavradores perdem sua colheita pela falta ou escassez de chuvas. Eles até fizeram a parte deles na terra, mas se o céu não mandar a chuva necessária de nada adianta.

Se as coisas aqui na terra não estão indo bem, é sinal que o céu não está nos favorecendo, e isso acontece porque estamos desprezando algum mandamento que o Senhor nos deu.

“Vede que hoje eu ponho diante de vós a bênção e a maldição: A bênção, se obedecerdes aos mandamentos do Senhor vosso Deus, que eu hoje vos ordeno; porém a maldição, se não obedecerdes aos mandamentos do Senhor vosso Deus, mas vos desviardes do caminho que eu hoje vos ordeno, para seguirdes outros deuses que nunca conhecestes.” Deuteronômio 11.26-28
Todos os dias ao acordarmos, são colocados diante de nós a benção e a maldição, e somos nós que devemos fazer a escolha.

Devemos todos os dias parar tudo o que estamos fazendo para ouvir a Deus.
Se não temos deixado tempo para orarmos e ouvirmos a Deus, provavelmente já estamos abraçando a maldição.

“Não se aparte da tua boca o livro desta lei, antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido.” Josué 1.8
É nosso dever ler e aprender a palavra de Deus todos os dias.

Alguns dizem: “A terra tem que me favorecer!”. Pois bem, ela deseja lhe favorecer, porém antes de qualquer coisa ela precisa da chuva do céu. Logo ela só lhe favorecerá se vier do céu.

Deus hoje deseja nos dar as chaves do céu, para abrirmos o céu de bronze que está sobre a nossa cabeça.
Para isso, devemos ouvir os seus mandamentos e obedecer, então agradaremos ao Senhor, e Ele estará junto a nós e os céus estarão abertos.

Como está escrito: “E aquele que me enviou está comigo; não me tem deixado só; porque faço sempre o que é do seu agrado.” João 8.29

Um abraço,

IIGD Piraquara

Link para a primeira parte desta mensagem:
http://igrejadagracapiraquarapr.blogspot.com.br/2012/03/os-ceus-abertos-parte-1.html
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores