terça-feira, 8 de novembro de 2011

Um exemplo a seguir


"Num memorável dia, antes do nascimento de Hudson, o primogênito da família, o pai procurou a sua esposa para conversar sobre uma passagem das Escrituras que o im­pressionava profundamente. Na sua Bíblia leu para ela uma parte dos capítulos 13 de Êxodo e 3 de Números: "Santifica-me todo o primogênito... Todo o primogênito meu é... Meus serão... Apartarás para o Senhor..."
Os dois conversaram muito tempo sobre o gozo que es­peravam ter. Então, de joelhos, entregaram seu primogêni­to ao Senhor, pedindo que desde já ele o separasse para a sua obra.
Tiago Taylor, o pai de Hudson, não somente orava fer­vorosamente por seus cinco filhos, mas ensinou-os a pedi­rem detalhadamente a Deus todas as coisas. Ajoelhados, diariamente, ao lado da cama, o pai colocava o braço ao re­dor de cada um enquanto orava insistentemente por ele. 
Desejava que cada membro da família passasse, também, ao menos meia hora, todos os dias, perante Deus, renovan­do a alma por meio de oração e estudo das Escrituras.
A porta fechada do quarto da sua mãe, diariamente ao meio-dia, apesar das suas constantes e inumeráveis obri­gações, tinha também grande influência sobre todos, pois sabiam que ela, assim, se prostrava perante Deus para re­novar suas forças e para que o próximo se sentisse atraído ao Amigo invisível que habitava nela.
Não é de admirar, portanto, que, ao crescer, Hudson se consagrasse inteiramente a Deus. O grande segredo do seu incrível êxito é que em tudo que carecia, no sentido espiri­tual ou material, recorria a Deus e recebia dos tesouros in­finitos."

Este é um trecho da biografia de Hudson Taylor, chamado de "O Pai das Missões no Interior da China".
A Fé deste homem o ajudou a ganhar inúmeras almas para Cristo durante sua vida de devoção ao povo Chinês. 
A história de sua vida dedicada ao serviço do Senhor é um exemplo que podemos seguir sem medo.

Mas isso não seria possível sem que ele tivesse recebido de seus pais o exemplo de dedicação e intimidade com o Senhor Deus.

Sua vida foi ministrada primeiro em casa, onde Deus iniciou uma obra que continuou com a salvação de milhares de vidas.
Diante deste panorama, eu me pergunto neste dia, qual o tipo de influência que estamos tendo sobre nossos familiares e filhos?
Aqueles que vivem a minha volta, estão sendo ministrados pela minha vida?
A minha maneira de ser tem potencializado a vida dos meus filhos para que eles venham a ser uma grande benção no futuro?

Ou será que meus atos tem sido um mau testemunho para aqueles que me cercam?

Convido você a meditar a respeito destas coisas.

Creio que se nos esforçarmos para seguir os passos de Jesus, como no exemplo da família Taylor, teremos grandes histórias para serem contadas no futuro a respeito da nossa descendência.

"Louvai ao Senhor. Bem-aventurado o homem que teme ao Senhor, que em seus mandamentos tem grande prazer! A sua descendência será poderosa na terra; a geração dos retos será abençoada." Salmos 112.1-2
 
Um abraço,

IIGD Piraquara.

Citação do Livro: Os Heróis da Fé - Orlando Boyer
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores