quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Os Nicolaítas

“Tens, porém, isto: que odeias as obras dos nicolaítas, as quais eu também odeio”
Apocalipse 2.6

“Assim tens também os que seguem a doutrina dos nicolaítas, o que eu odeio.”
Apocalipse 2.15

Nikh = vitória (no sentido de dominar)
Laos= o povo peculiar (de Israel ou Cristãos)

O nome Nikolaitwn (nicolaitas) é composto por estas duas palavras e, juntas tem o sentido de “vitória sobre o povo” ou “os que dominam o povo”.

Esta palavra consta nas cartas às Igrejas de Éfeso e Pérgamo, e referem-se a uma heresia que se formava no fim da era apostólica, com falsos mestres que deturpavam a Pureza da Doutrina de Cristo e desviavam alguns do caminho.
Esta doutrina concebeu a idéia de que a Igreja deveria ter um clero especial e superior.
Evidentemente, este desejo de exercer poder sobre o povo, movido pelo instinto carnal de domínio, pela soberba e torpe ganância de posição e riquezas disseminou-se nas igrejas de forma que podemos ver isso acontecendo ainda nos dias atuais.

Não fora o Nicolaísmo, não existiria o erro de uma igreja universal, com sede em algum lugar, com um líder (humano) regendo sobre todos enquanto assentado sobre um trono.

Nem mesmo a primeira Igreja, formada por Jesus pessoalmente, em Jerusalém, tinha autoridade sobre as demais. Leia em Atos 15, a postura da Igreja de Jerusalém com relação a Antioquia, como uma mãe que exorta a seu filho INDEPENDENTE num momento de necessidade, mas não considera justo lhe impor nada. Observe-se, ainda, o próprio falar dos Apóstolos Pedro e Tiago (que estavam em Jerusalém e não em Roma), como não exercem eles domínio sobre a Igreja, mas servem como conselheiros junto a Ela e com o Espírito Santo (vv. 23, 25 e 28).

Esta heresia tem influenciado a vida e o pensamento de muitos religiosos e tem levado muitas almas para a perdição.

O verdadeiro evangelho não é assim.
O verdadeiro evangelho nos ensina: Mas Jesus, chamando-os a si, disse-lhes: Sabeis que os que julgam ser príncipes dos gentios, deles se assenhoreiam, e os seus grandes usam de autoridade sobre elas; Mas entre vós não será assim; antes, qualquer que entre vós quiser ser grande, será vosso serviçal; E qualquer que dentre vós quiser ser o primeiro, será servo de todos. Porque o Filho do homem também não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos.” Marcos 10.42-45

Se Jesus, nosso Senhor, veio para servir sendo exemplo para nós, porque então alguns religiosos se preocupam tanto em serem servidos?!

Não obstante, vemos claramente, que nos dois versículos de Apocalipse 2 mencionados no início do texto, a Palavra de Deus nos fala a mesma coisa em relação aos Nicolaítas;
Nosso Senhor “odeia estas obras”.

Sirva e faça a vontade de Deus!

"Mas não sereis vós assim; antes o maior entre vós seja como o menor; e quem governa como quem serve." Lucas 22.26.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores