quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Encerramento Frutos do Espírito

Gálatas 5.22 “Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.”.

Tal qual um fruto natural, o Fruto do Espírito não pode ser amadurecido à força, nem com o uso de uma “estufa”.
Vimos no início, que o Fruto vem do caráter do crente, tendo sido ativado pelo Espírito Santo e vem se desenvolvendo, ou seja, deve ser produzido pelo crente.
No seu dia a dia o crente deve buscar sabedoria em Deus para que o mundo veja as qualidades do Fruto.
Isso glorificará o Deus a quem servimos. Vimos isso em Atos 11.24, quando Barnabé pelo seu testemunho foi usado para que muitas pessoas se unissem ao Senhor.

Também não devemos esquecer que a árvore que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo (Mateus 3.10). Esse não é o caminho que o Senhor escolheu para nós.

Quem anda no Espírito, terá por certo a salvação em Cristo, pois “Contra estas coisas (frutos do Espírito) não há lei.” Gálatas 5.23.

Um abraço,

IIGD Piraquara
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores