segunda-feira, 10 de outubro de 2011

5º Fruto – Benignidade

A benignidade é uma atitude de coração.
Talvez no início o Fruto da Benignidade não se manifeste espontaneamente, mas a partir do momento em que o Espírito Santo começar a tratar a sua vida, você sentirá a necessidade de tomar atitudes benignas.
É a partir deste momento, que você começa a ser verdadeiramente transformado.

Mas o que é ser benigno? Em primeiro lugar podemos dizer que a pessoa benigna não oferece ameaça. Quem manifesta o Fruto da Benignidade faz o bem, melhor dizendo, ele procura necessidades para suprir.
Vemos isso descrito em Gálatas 6.9-10 E não nos cansemos de fazer bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido. Então, enquanto temos tempo, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé.”.

O amor de Cristo nos capacita a suprir necessidades, assim, agimos como Jesus: Atos 10.38 Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou fazendo bem, e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele.”.

Mas ser benigno vai muito além, ser benigno é ter compaixão, é ir de suprir a uma simples necessidade material, até ser tocado pela dor de um irmão numa necessidade extrema.
Jesus demonstrou esta compaixão em pelo menos duas ocasiões, uma ao encontrar com a viúva de Naim à porta da cidade: Lucas 7.12-13 “E, quando chegou perto da porta da cidade, eis que levavam um defunto, filho único de sua mãe, que era viúva; e com ela ia uma grande multidão da cidade E, vendo-a, o Senhor moveu-se de íntima compaixão por ela, e disse-lhe: Não chores.” e outra quando viu a dor da irmã de Lázaro e dos Judeus que com ela estavam João11:35 “Jesus chorou”.
Nas duas ocasiões vemos que Jesus ficou tocado pelo sofrimento das pessoas à sua volta, Ele teve compaixão por elas, mas vemos também que em seguida tomou uma atitude benigna, trazendo de volta à vida aqueles jaziam mortos.

Devemos lembrar também que Jesus sempre praticava atos de bondade com propósito, assim também o devemos fazer.
Em I Tessalonicenses 5.15-22 vemos algumas orientações práticas que nos ajudam a estar disponíveis a manifestar o Fruto da Benignidade: Vede que ninguém dê a outrem mal por mal, mas segui sempre o bem, tanto uns para com os outros, como para com todos. Regozijai-vos sempre. Orai sem cessar. Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. Não extingais o Espírito. Não desprezeis as profecias. Examinai tudo. Retende o bem. Abstende-vos de toda a aparência do mal.”.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores